Como é Portugal em MARÇO?

18

Se você está com viagem marcada para Portugal em março, indicamos aqui todas as informações que você precisa saber antes do embarque:

Clima

Março é o mês que divide o inverno da primavera em Portugal. Ou seja, você está livre do frio mais intenso, mas ainda não tem aquele tempo mais leve e quentinho. Há ventos fortes e, apesar do sol mais frequente, é preciso ter atenção e se agasalhar.

Há até um ditado popular português que diz: “Março, marçagão, manhã de inverno, tarde de verão”…

Se você embarca no início do mês, veja as nossas sugestões para a mala de inverno. Quem chega a Portugal na segunda quinzena do mês, pode tomar nota também das nossas dicas de início de primavera.

Outro ponto importante é SEMPRE verificar a previsão do tempo nos dias que antecedem o seu embarque. Assim como vemos no mundo todo, há anos que estão mais quentes, mais frios ou mais chuvosos do que o normal. Aconselho uma pesquisa no site AccuWeather meu companheiro.

Horário de verão

Um ponto importante a levar em consideração é que na última semana de março começa o horário de verão europeu. Ou seja, quem chega a Portugal nessa época, é preciso ter atenção com o fuso horário – que fica com 4 horas a mais do que o horário de Brasília.

A parte boa é que os dias são mais longos. Por isso, aquele sol bonito brilha por muito mais tempo na rua e os passeios, claro, rendem mais.

Apaixone-se por Portugal com a nossa consultoria de viagem

Feiras, Festas e Festivais

O mês começa com a principal feira de turismo de Portugal, a BTL – com espaço para profissionais e para o público geral – em Lisboa. Também há mais uma edição da PaperGift, um salão dedicado aos profissionais do setor de papelaria. No final do mês acontece a Futuralia, dedicada aos jovens e estudantes também no mesmo local, na FIL (junto ao Parque das Nações/ Lisboa).

Ainda no início do mês, quem gosta do queijo de ovelha e deseja mergulhar a fundo no interior português poderá prestigiar a Festa do Queijo Serra da Estrela de Oliveira do Hospital, a Feira do Queijo Serra da Estrela de Fornos de Algodres e também a Festa do Pastor e do Queijo, em Penaverde.

Um dos eventos mais famosos do centro-oeste do país é o delicioso Festival Internacional de Chocolate de Óbidos, que em 2017 acontece entre 10 de março e 2 de abril.

Março é a época das amendoeiras em flor junto ao centro norte do país. A Festa da Amendoeira em Flor de Foz Côa é uma das mais importantes e prestigia esse momento (veja também mais sobre os percursos sugeridos pela CP na Rota das Amendoeiras).

Para quem estará em Portugal no final do mês de março, as sugestões são Feira de Março de Aveiro , a Feira do Porco Alentejano de Ourique e também a Feira do Vinho e do Cante de Vidigueira.

De fevereiro a junho, quem gosta de música sacra ainda poderá prestigiar o Festival Terras Sem Sombra em diversas localidades alentejanas.

Quer ter a nossa companhia durante a sua viagem por Lisboa?

Datas comemorativas

Somente como curiosidade, diferente do Brasil, o Dia do Pai (assim, no singular) é celebrado no dia 19 de março – dia de São José.

Sugestões culturais para março de 2017

Fado

Artistas portugueses

Artistas brasileiros

Música internacional

Festivais de música

Espetáculos e eventos

Teatro

Humor

Dança

Como é Portugal em…

JANEIRO | FEVEREIRO | MARÇO | ABRIL | MAIO | JUNHO | JULHO | AGOSTO | SETEMBRO | OUTUBRO | NOVEMBRO| DEZEMBRO

Organize aqui a sua viagem para Portugal

icon-saude

Faça o Seguro Viagem com a Real Seguro Viagem em 6x sem juros

icon-carroVeja os melhores preços para alugar um carro na Rental Cars

icon-hotel

Reserve o seu hotel pelo Booking, com opção de cancelamento gratuito

Serviços do Cultuga

icon-tour

Deseja ter a nossa companhia durante a sua visita a Lisboa? Faça um tour conosco

icon-consultoria

Apaixone-se por Portugal com a nossa consultoria de viagem

icon-foto

Leve um suvenir diferente da sua viagem: faça um ensaio fotográfico

Veja também o índice de artigos do Cultuga para ajudar no planejamento do seu roteiro com muitas dicas, sugestões de rota e outras informações sobre Portugal 🙂

Compartilhe.

Sobre o autor

Priscila Roque

Sou jornalista especializada em cultura e fotógrafa. Foi preciso passar dos 30 anos para assumir que Lisboa é, realmente, o meu lugar no mundo. Mas a paixão por Portugal começou bem mais cedo, ainda na adolescência, quando descobri alguns músicos locais. Os meus pais são portugueses imigrados no Brasil. Depois de fazer o caminho inverso deles, trocando São Paulo por Lisboa, quero agora, com o Cultuga, diminuir a distância que separa o Brasil de Portugal.

18 comentários

  1. Olá Priscila,
    Simplesmente adorável este vosso espaço.
    Lamento não ter passado por aqui antes.
    Ansioso estou a aguardar o “Portugal em abril”, que é quando estarei a visitar a bela terra.
    Saudações desde o Rio de Janeiro de um carioca luso já sem esperanças de melhoras nessa terra de cá.
    Abs
    Em tempo: Cultuga, genial o nick name!

    • Priscila Roque
      Priscila Roque em

      Olá, Luis
      Como vai?
      Agradeço o seu carinho e elogio ao Cultuga. Para breve postamos as informações do mês de abril 🙂
      Um forte abraço e seja sempre bem-vindo

  2. Priscila,

    Muito obrigada por todas as suas dicas sobre Portugal. Continuo com uma dúvida. Quero conhecer a região do Algarve. Tenho dois meses disponíveis p fazer essa viagem: março Ou setembro. Em qual deles a temperatura é mais alta no litoral? Obrigada.

  3. Estaremos embarcando em 13/03/2017 para Lisboa e amei suas dicas!!!!
    Festival do chocolate em Óbidos…amei….meu filho já havia falado de conhecermos as muralhas em Óbidos…então vamos unir o útil ao agradável!!!!

    • Priscila Roque
      Priscila Roque em

      Nham, que delícia, Cibele! Aproveitem bastante 🙂
      Agradeço o seu carinho!
      Um grande abraço e uma excelente viagem

  4. Olá Casal,
    Estarei em Portugal em março, de 11 a 21/03/2017 com minha esposa. Gostamos muito da música portuguesa – Deolinda, Márcia, Zambujo e outros. Gostaríamos muito de conhecer a cultura local e a gastronomia. Não fizemos reserva em hotel ainda por que pretendemos conhecer algumas cidades de carro pelo país. Vocês acham uma boa ideia?

    • Priscila Roque
      Priscila Roque em

      Olá, Márcio
      Tudo bem?
      Com certeza vocês vão aproveitar bastante 😀 Que delícia que gostam de música portuguesa!
      Não é muito do nosso perfil esse formato de viagem, sem a reserva de hotéis, deixando para fazer isso no dia ou na véspera. Gostamos sempre de programar para ter a liberdade de escolha, comparar preços e também para evitar ter que se preocupar com essa etapa durante a viagem. Portugal cresceu bastante no turismo e, nem sempre, há boa disponibilidade hoteleira no local em que deseja. Vocês já pensaram em dividir as datas em bases? Poderão pegar duas ou três bases diferentes, dependendo das regiões que pretendem percorrer, e fazer os percursos dos arredores de carro, em bate-volta. Como vocês também se interessam pela cultura local, é também a chance que vocês têm de pesquisar antecipadamente hotéis menores ou experiências diferentes voltadas para a hotelaria, como casas históricas ou hotéis geridos por uma família local.
      Um grande abraço e uma excelente viagem!

  5. Olá Rafael,
    Agradeço pela preocupação e pelas excelentes sugestões nos seus comentários. Fica evidente o real interesse em ajudar a todos que querem conhecer Portugal, saibam que seus esforços não passam despercebidos. Em meio a tanta indiferença pelos outros, ainda encontramos um casal tão agradável a atencioso. Faço votos que seus trabalhos continuem logrando êxito. Forte abraço no casal!!!

    • Rafael Boro
      Rafael Boro em

      De nada, Márcio! Nós que agradecemos o carinho. 🙂
      Esse é o melhor feedback que podemos ter! Muito obrigado!
      Um forte abraço para você também e uma ótima viagem!

  6. Merioneide Lucena em

    Olá, bom dia! Sou Meri Lucena e uma vontade enorme de conhecer Portugal. Faço 65 anos em março próximo e quero comemorar em Portugal, Quero alugar um cantinho e passar no mínimo um mês. Vou tentar achar uma amiga para me acompanhar, porém se não conseguir, vou só mesmo. Então, queria uma sugestão de onde me hospedar, qual cidade seria ideal para ter facilidade de sair ou de carro ou de bicicleta, ou de moto, conhecendo a região. Obrigada.

    • Rafael Boro
      Rafael Boro em

      Olá, Meri
      Tudo bem?
      Lisboa, Porto e Coimbra são as principais cidades do país (há ótimas hospedagens, principalmente no centro histórico ou num raio de 2km) e possuem boas ligações com as auto-estradas. Você consegue se deslocar para várias cidades próximas e regiões. O transporte público em Lisboa e Porto também funciona muito bem. Vale apena andar de metro, ônibus e trem. O carro é bom para o deslocamento mais longos ou bate-voltas, já que o trânsito e o estacionamento são chatos. Quanto a bicicleta, não aconselho usar como principal meio de transporte. Não é muito comum usar bicicleta no dia-a-dia em Portugal, principalmente em Lisboa e no Porto. Os bairro mais antigos têm muitas subidas e ruas apertadas. Também não há lugar para estacionar. Nem todos os trens e ônibus possuem espaço para tranportar bicicleta. Isso dificultaria a viagem. 🙁

      Ainda há muito para melhorar. Porém, a prefeitura de Lisboa tem tentado deixar a acessibilidade melhor, com calçadas mais largas e ciclivias. Já é um primeiro passo! De qualquer forma, seria legal você pedalar na beira do Rio Tejo. É plano, tem espaço e é muito bonito!

      Em Aveiro, na região centro, e Cascais, perto de Lisboa, por exemplo, vale muito a pena andar de bicicleta. Nesses lugares o custume é maior e a estrutura da cidade e das ciclovias são boas. As prefeituras diponibilizam bicicletas gratuitamente ou com bons preços. Em Aveiro são as BUGAs (http://www.centerofportugal.com/pt/bugas-bicicletas-gratuitas-de-aveiro/) e em Cascais, as Bicas (http://www.cm-cascais.pt/cascais-proxima-utilizacao-das-bicas), que são pagas. O litoral de Cascais é muito bonito para andar.

      Aproveito para indicar a leitura dos nossos artigos que estão divididos em regiões: http://www.cultuga.com.br/portugal-dicas-de-viagem-por-regiao/ 😉
      Destaco esses dois: http://www.cultuga.com.br/2014/07/5-cidades-para-fazer-um-bate-volta-a-partir-do-porto/http://www.cultuga.com.br/2014/07/5-cidades-para-fazer-um-bate-volta-a-partir-de-lisboa/
      Um grande abraço e boa viagem!

  7. Diogo Lima em

    Oi Priscila!
    Conheci o site a pouco, e estou adorando, com certeza lerei muito ainda!
    Estou programando para viajar a Lisboa no ano que vem, entre final de março e início de abril.
    Vou com minha esposa e meu filho que estará com 3 anos e meio. Você acha que eu encontro atrações interessantes para fazer com meu pequeno também?
    Penso em fazer um roteiro de 8 dias em Portugal e mais uns 3 em Paris.
    Obrigado pelo site!
    E te agradeço se puder me ajudar com essa dúvida sobre meu pequeno ir na viagem, na verdade se ele não for nós não iremos agora, nem passa pela cabeça fazer uma viagem desssas sem ele.
    Abraço!

    • Priscila Roque
      Priscila Roque em

      Olá, Diogo
      Tudo bem?
      Agradeço o seu carinho 🙂
      Estamos para subir alguns artigos com sugestões para fazer com crianças no país. Mas Portugal é bastante amigável e você vai encontrar atrações que agradem o pequeno, sim! Em Lisboa, por exemplo, há um passeio muito bacana com um ônibus anfíbio (ele anda pela cidade e depois embarca diretamente no rio Tejo) chamado Hippotrip – vai fazer sucesso com a sua família. O Oceanário é outro passeio lisboeta impecável para qualquer idade e dá para fazer em um dia de sol ou de chuva. No Porto, há jardins deliciosos que ele poderá correr, como o Jardim do Palácio de Cristal ou o Parque da Cidade. Das pequenas cidades, Óbidos e Aveiro fazem enorme sucesso com as crianças. São locais bem fáceis de explorar.
      Agasalhem-se, apenas, pois ainda pode ser uma época mais fria. Mas vocês vão amar!
      Um grande abraço

Deixe um comentário