Cultuga em destaque no jornal português Público

0

Em julho de 2018, a jornalista Andreia Marques Pereira me convidou para uma entrevista ao caderno Fugas, do prestigiado jornal português Público – ela está fazendo um especial de verão com perfis de estrangeiros apaixonados por Portugal e que vivem no país.

Foi com enorme orgulho que aceitei ter esta boa conversa com a Andreia – que saiu agora na primeira semana de agosto.

As perguntas que ela fez me levaram a uma viagem deliciosa e emocionante no tempo, quando pude relembrar momentos que traduzem muito do que o Cultuga se transformou, além do privilégio de ter trilhado esse caminho ao lado do Rafa e com o suporte das nossas famílias.

Deixo aqui o convite para que leia o perfil na íntegra diretamente no site do jornal Público.

Não sabe por onde começar o planejamento da sua viagem a Portugal? Veja aqui uma seleção com os artigos mais lidos do nosso blog para organizar o seu roteiro.

Viaje tranquilo para Portugal

icon-saude

SEGURO DE VIAGEM
Faça o seguro saúde com a Real Seguro Viagem e pague em 12x SEM JUROS

icon-carro

ALUGUEL DE CARRO
Veja os melhores preços para alugar um carro na Rental Cars

icon-hotel

HOTEL
Reserve o seu hotel no Booking com cancelamento gratuito

Conheça os serviços exclusivos do Cultuga

icon-consultoria

TRANSFER
Tenha uma chegada tranquila e segura a Portugal. Reserve aqui um transfer

icon-carroCITY TOURS EM PORTUGAL
Quer viajar Portugal de norte a sul? Faça um city tour privativo

icon-foto

SESSÃO FOTOGRÁFICA – LISBOA E PORTO
Tenha fotos lindas da sua viagem! Conheça as nossas Sessões Fotográficas

icon-tour

TOUR A PÉ EM LISBOA
Venha percorrer a nossa Lisboa! Faça um tour a pé com o Cultuga

Compartilhe.

Sobre o autor

Priscila Roque

Sou jornalista especializada em cultura e fotógrafa. Foi preciso passar dos 30 anos para assumir que Lisboa é, realmente, o meu lugar no mundo. Mas a paixão por Portugal começou bem mais cedo, ainda na adolescência, quando descobri alguns músicos locais. Os meus pais são portugueses imigrados no Brasil. Depois de fazer o caminho inverso deles, trocando São Paulo por Lisboa, quero agora, com o Cultuga, diminuir a distância que separa o Brasil de Portugal.

Deixe um comentário