Resenha: The Gift no Studio SP

PORTUGAL NA PANDEMIA: eventos podem ser adiados ou cancelados; atrações e estabelecimentos podem funcionar sob horário e regime especiais. Acompanhe aqui as atualizações da Covid-19

Envie este artigo para alguém que você gosta!

Quase um ano depois, recebemos novamente a banda portuguesa The Gift em São Paulo. A temperatura da noite de ontem muito se assemelhou com aquela do último show, no Sesc Ipiranga, exceto pela forte chuva que pegou todos os fãs de surpresa em 2011.

O local escolhido para a apresentação, desta vez, foi o Studio SP – o mesmo em que o músico David Fonseca esteve no ano passado. Um bar bastante respeitado na cidade que acolhe uma porção de eventos underground de diversas partes do mundo.

Veja o The Gift tocando “RGB” no StudioSP

A banda subiu ao palco pouco depois das 22hrs e a vocalista Sónia Tavares, com um carisma indescritível e uma voz intensa, comentou logo de início sobre o show do ano passado, quando veio ao País grávida. Agora, alguns meses após ter o bebê, voltou a sua plena forma e, nas duas ocasiões, lindíssima.

Acompanhada de Nuno Gonçalves, John Gonçalves, Miguel Ribeiro e bons músicos convidados, Sónia deixou o palco pequeno para tamanho entusiasmo e graça.

Com um setlist dedicado a divulgação dos dois últimos discos dos The Gift, Explode e Primavera, a banda mesclou diversas canções que agradaram plenamente o público.

O destaque ficou por conta da música escolhida para o mais recente clipe, “The Singles”, que em sua versão integral, ao vivo, ultrapassa os dez minutos. No Studio SP, quando ela foi apresentada, Sónia colocou todo o público para dançar. Na última parte da música, Nuno levantou dos teclados, pegou o microfone e também entrou na dança.

Assista ao vídeo de “The Singles” ao vivo no Studio SP

Resgatadas do disco AM-FM, de 2004, vieram as aguardadas “Music” e “Driving You Slow”. Apesar de uma seleção curta de canções, o show foi bastante completo e empolgante para quem decidiu passar a noite ao lado desses excelentes músicos portugueses.

Fica aqui somente a falta do lindo solo vocal de Sónia Tavares em “Fácil de Entender”, acompanhada por Nuno, que foi brilhantemente apresentada no ano passado e esteve de fora desta vez.

Ao término do show, ao lado do palco, uma pequena banca vendia parte dos materiais deles. Os CDs, DVDs e LPs trazidos pelo grupo tinham um ótimo preço. Comprei o pack CD duplo + DVD “Fácil de Entender”, de 2006, por R$ 25 (cerca de 10 euros).

O The Gift viaja hoje a Natal para a 13ª edição do Festival Mada. Eles serão a atração internacional do evento, que também contará com artistas brasileiros como Criolo, Seu Jorge e Agridoce. Eles se apresentam por lá neste sábado, dia 20.

* Mais alguns trechos do show do The Gift estão disponíveis no canal do Cultuga no YouTube


Envie este artigo para alguém que você gosta!

Apoie o Cultuga ❤

Estamos há 11 anos produzindo conteúdo autêntico sobre a cultura portuguesa e o turismo cultural de Portugal.

Com a pandemia, manter o Cultuga tem sido um desafio. Se você gosta do nosso trabalho e se o nosso conteúdo é útil para você, veja como nos apoiar:

Apoie com o valor que puder via PIX. Chave PIX: contato@cultuga.com.br

Cadastre-se na nossa newsletter e receba as atualizações do Cultuga em seu e-mail

 Inscreva-se em nosso canal no YouTube – é gratuito e há sempre novidades

Portugal com segurança ✈

icon-saude

SEGURO SAÚDE E VIAGEM
Faça o seu seguro para Portugal na Real Seguro Viagem e ganhe 10% de desconto!

icon-carro

ALUGUEL DE CARRO
Viajar de carro é uma ótima opção para fazer um roteiro ao seu ritmo. Na RentalCars você recebe o orçamento de aluguel de carro das empresas mais conhecidas de Portugal.

icon-hotel

HOTÉIS E APARTAMENTOS
Encontre hotéis no Booking com boa limpeza e evite surpresas com a opção de cancelamento gratuito!

TRANSFERS E TOURS EM PORTUGAL
Conheça o Vinícius e sua equipe! Eles vão receber você com segurança, conhecimento e tranquilidade.

Sobre o autor

Sou jornalista especializada em cultura e fotógrafa. Tenho Lisboa como o meu lugar no mundo, o meu refúgio, a minha casa. Mas é também em Portugal, este país vivo e com tanto para contar, que me sinto completa. Os meus pais são portugueses imigrados no Brasil. Depois de fazer o caminho inverso deles, trocando São Paulo por Lisboa, assumi como missão do Cultuga diminuir a distância que separa o Brasil de Portugal.

Deixe um comentário