Vale a pena visitar as Grutas de Mira de Aire?

19

Descobertas no final dos anos 1940 e abertas ao público nos anos 1970, as Grutas de Mira de Aire fazem parte das 7 Maravilhas Naturais de Portugal e estão localizadas no Parque Natural da Serra de Aires e Candeeiros. Elas são as maiores do país.

Com fácil acesso pela principal estrada de Portugal, a A1, o passeio também tem um preço bastante atraente, o bilhete para adultos custa 6,80€, enquanto para crianças até 11 anos sai por 4€ (menores de 5 anos não pagam). A experiência é bastante interessante para pessoas de todas as idades.

Grutas de Mira de Aire: beleza natural perto de Fátima

O que ver durante a visita as grutas?

A visita, sempre guiada, começa em um pequeno auditório em que um vídeo é exibido explicando a formação das grutas. Depois, somos levados para o local em que os exploradores entraram pela primeira vez, ao descobri-la.

A descida é feita por meio de 683 degraus, distribuídos entre as diversas “salas” e muitas plataformas, cada uma com sua peculiaridade. Passamos por alguns precipícios, lagos com moedinhas e “dentes” calcários formados há mais de 20 mil anos. Ao término da visita, chegamos a 130 metros de profundidade. A volta para a superfície é feita por um grande elevador.

Ao todo, as grutas têm 11 quilômetros de extensão. Porém, somente 600 metros é que são visitáveis. Os outros espaços são dedicados a estudos e a conservação de produtos nacionais. A temperatura e a umidade auxiliam na produção do vinho, por exemplo.

Em 11 de agosto de 2014, a abertura para visitação do público completou 40 anos. Mais de 6 milhões de pessoas já passaram por lá.

Acessibilidade

Esse passeio não é indicado para pessoas com mobilidade reduzida, infelizmente. As grutas têm piso naturalmente úmido, são escuras e possuem uma infinidade de escadas que devem ser percorridas durante a visita.

Onde comer

Quando estivemos por lá, optamos por almoçar no próprio restaurante das grutas, que fica no piso superior da bilheteria. Foi uma boa escolha. O cardápio tem diversas opções, um preço justo e o atendimento foi de primeira. Pedimos um Bitoque (bife de vaca, arroz e batatas fritas) e uma lasanha vegetariana. Com a bebida, saiu por volta de 10 euros por pessoa.

Vale a pena ver todas as fotos que decoram o restaurante. São documentos históricos que retratam a descoberta das grutas.

Adega do Luís: excelente restaurante perto da Batalha

Como chegar as Grutas de Mira de Aire

Esse é um passeio ideal para quem vai viajar por Portugal de carro. Com fácil acesso pela principal auto estrada do país, a A1, as Grutas de Mira de Aire tem visitas abertas em qualquer altura do ano e podem ser incluídas durante uma passagem pela região central do país. O local tem estacionamento próprio e gratuito.

A dobradinha mais comum é com Fátima, por ter apenas 15km de distância. Porém, é possível incluir essa atração também entre cidades como Leiria, Batalha, Tomar, Nazaré, Alcobaça, Óbidos ou Caldas da Rainha, por exemplo.

Coordenadas gps:
N39 32.423′-longitude
w 008º 42.260′ – latitude
altitude 305m

Leve um suvenir inesquecível de sua viagem a Portugal

Dicas para aproveitar melhor as grutas

  • A temperatura dentro das grutas beira os 17 graus. Por isso, use roupas confortáveis e não deixe o casaco no carro, mesmo que a época da sua visita seja durante o verão.

  • As grutas são úmidas e, por vezes, o piso fica bastante molhado. Vá de tênis para garantir a sua segurança.
  • Um calçado confortável também será importante para percorrer os 600 metros de caminho em descida pelos seus 683 degraus.
  • As grutas são superescuras. Então, tirar fotos se torna um verdadeiro desafio. Aconselho usar o modo “noite” da sua câmera, com e sem flash. É a melhor forma para conseguir guardar recordações do local.

  • Ao término do passeio, você estará a cerca de 1km do local de entrada. Portanto, fique atento a uma linha azul pintada no chão, ruas e calçadas para encontrar novamente entrada e o estacionamento. Infelizmente, nesse ponto, a sinalização é bastante precária.

  • Se você for com os seus filhos em um dia de muito calor ainda poderá aproveitar o pequeno parque aquático que faz parte do complexo das grutas (há um preço especial para a visita das grutas + piscinas).

Serviço

Grutas de Mira de Aire
Aberto todos os dias (inclusive feriados)
Horário: outubro a março, das 9h30 às 17h30; abril a maio, das 9h30 às 18h; junho e setembro, das 9h30 às 19h; julho e agosto, das 9h30 às 20h (última entrada 30 minutos antes)
Preços: 6,80€ visitantes com idade igual ou superior a 12 anos/ 4€ crianças entre 5 e 11 anos/ grátis para menores de 5 anos
Endereço: Av. Dr. Luciano Justo Ramos
Telefone: +351 244 440 322
e-mail: geral@grutasmiradaire.com
site: www.grutasmiradaire.com

Organize aqui a sua viagem para Portugal

icon-saude

Faça o Seguro Viagem com a Real Seguro Viagem em 6x sem juros

icon-carroVeja os melhores preços para alugar um carro na Rental Cars

icon-hotel

Reserve o seu hotel pelo Booking, com opção de cancelamento gratuito

Serviços do Cultuga

icon-tour

Deseja ter a nossa companhia durante a sua visita a Lisboa? Faça um tour conosco

icon-foto

Leve um suvenir diferente da sua viagem: faça um ensaio fotográfico

Veja também o índice de artigos do Cultuga para ajudar no planejamento do seu roteiro com muitas dicas, sugestões de rota e outras informações sobre Portugal 🙂

Compartilhe.

Sobre o autor

Priscila Roque

Sou jornalista especializada em cultura e fotógrafa. Foi preciso passar dos 30 anos para assumir que Lisboa é, realmente, o meu lugar no mundo. Mas a paixão por Portugal começou bem mais cedo, ainda na adolescência, quando descobri alguns músicos locais. Os meus pais são portugueses imigrados no Brasil. Depois de fazer o caminho inverso deles, trocando São Paulo por Lisboa, quero agora, com o Cultuga, diminuir a distância que separa o Brasil de Portugal.

19 comentários

  1. Avatar
    Fátima Bete em

    Pretendo colocar as Grutas de Mira de Aire (lindíssimas) no meu roteiro, que está bastante corrido, então preciso saber se possível, quanto tempo gastarei nesse passeio.
    Grata
    Fátima Bete

    • Priscila Roque
      Priscila Roque em

      Olá, Fátima
      É um passeio delicioso e bastante interessante. A visita em si tem uma duração aproximada de 30 minutos. Entretanto, como ela é guiada, é preciso aguardar o início do passeio após comprar os bilhetes. Quando fui, esperei cerca de 15 minutos até começar. Então, separe por volta de 1h – 1h30 do seu roteiro. Assim, você faz tudo com tranquilidade. Outra opção é contactá-los antecipadamente para perguntar quais são os horários de visita na data da sua viagem: geral@grutasmiradaire.com
      Aproveite bastante!

  2. Avatar

    Olá, vou visitar Porto e Lisboa e queria incluir a visita a gruta, porém vou fazer minha viagem de ônibus/avião. Sabe me dizer se tem alguma empresa em Porto que realize “bate-volta” para a gruta?

    Atenciosamente,
    Thais Lima.

    • Priscila Roque
      Priscila Roque em

      Olá, Thais
      Como vai?
      É mais comum que você encontre uma empresa disponível a fazer esse tour para você a partir de Lisboa, visto que do Porto é quase o dobro do tempo para chegar até lá. Uma empresa que faz tours privados e nós indicamos é a Premium Tours http://www.premiumtours.pt/. Eles não possuem um tour que passe pelas grutas. Entretanto, são bastante flexíveis e poderão acrescentar a algum tour pelo centro do país também essa visita. Se você desejar fazer uma reserva com eles, poderá nos enviar um e-mail: contato@cultuga.com.br . Os nossos leitores e clientes têm 7% de desconto sobre os valores do site. Podemos combinar com eles o melhor tour/ preço para você.
      Um forte abraço

  3. Avatar

    Olá, Priscila! Pretendo ir a Fátima de ônibus e de lá pegar um táxi para as Grutas. Vi que o preço fica acessível, mas gostaria de saber se há táxis disponíveis nas Grutas para garantir a volta. Você tem essa informação? Obrigada!!!

    • Priscila Roque
      Priscila Roque em

      Olá, Débora
      Como vai?
      A região das grutas não tem muito movimento de carros. O ideal é você já combinar com o taxista que vai te levar a volta, pegando o telefone dele e ligando quando você precisar retornar.
      Um forte abraço e uma excelente viagem!

    • Priscila Roque
      Priscila Roque em

      Olá, João
      Como vai?
      A visita é guiada, feita em grupo e o solo das grutas é bastante irregular. Para o passeio comum, certamente não será possível usar o tripé, pela segurança de todos. Entretanto, você poderá contactá-los e verificar se existe essa possibilidade ou uma autorização/ horário especial em que você possa fazer essas fotografias.
      Um forte abraço

  4. Avatar
    joao esteves em

    ola amiga pode-se levar tripé para fotografar as grutas?,temos de andar sempre com o guia ou podemos ficar para tráz a fim de fotografar com calma.obrg

    • Priscila Roque
      Priscila Roque em

      Olá, Amanda
      Tudo bem?
      O passeio não tem restrição de idade. Entretanto, o piso é irregular, o ambiente é úmido e a descida é feita por escadarias. É preciso ter sempre atenção e cuidado.
      Um abraço

  5. Avatar

    Olá Priscila, tudo bem?
    Vamos fazer a dobradinha Fátima + Grutas, mas estaremos com nossas malas no carro, pois seguiremos para Porto. Vimos que há estacionamento no local. Há algum perigo, ou é seguro?
    Obrigada e parabéns pelo blog. Tem sido nosso guia para programarmos nossa viagem!
    Abçs

    • Priscila Roque
      Priscila Roque em

      Olá, Juliana
      Tudo bem? Por aqui está tudo joia 🙂
      Olha, o ideal é sempre ter tudo no porta malas do carro. Furtos não são frequentes, mas podem acontecer. Nas grutas é bem mais difícil que aconteça, pois é uma área bem menos turística, super tranquila. Em Fátima, como o estacionamento é muito grande e o fluxo de pessoas é bem maior, a probabilidade existe. Mas não fique apreensiva e não deixe de fazer o percurso por conta disso. Saia já da sua base com tudo no porta malas e retire do carro aquilo que for de maior valor para ficarem em paz.
      Uma excelente viagem! Aproveitem muito!

  6. Avatar
    Fernando da Silva Roque em

    Eu não conheço pessoalmente as grutas de Mira de Aire nem qualquer outras , o pouco que eu posso dizer tem como suporte as fotografias que tirei da Internet. Seja como for, todos sabemos que a beleza das grutas sejam elas quais forem é a quantidade de estalactites e estalagmites que contêm e a sua disposição na própria gruta .
    Na minha opinião, esta gruta tem demasiada luz ou luz muito intensa que dificulta o visionamento do todo e das partes que o compôem.
    Os técnicos que eletrificaram esta gruta deviam ter uma formação técnica, a mais qualificada possível E, se esses técnicos não existem em Portugal, têm que vir de outros países, porque uma gruta como esta não pode dar a impressão que tem um vulcão no seu interior.
    A luz tem que ser dirigida para o objeto a visionar, o que tem interesse que as pessoas visionem , por isso a luz tem que ter a intensidade certa, para que as pessoas possam admirar uma estalactite ou uma estalagmite, sentindo que estas demoraram milhares de anos a formarem-se. Por isso todas as grutas que existam naquela região,são verdadeiros tesouros que temos a bênção de possuir e o dever de preservar. O amigo: Fernando da Silva Roque

  7. Avatar

    Olá Priscila,
    Parabéns pelo blog e pelas dicas maravilhosas!
    Gostaria da sua opinião para meu roteiro! Estarei em Portugal na segunda quinzena de Outubro, e planejei um dia para fazer um bate e volta em Fátima, Batalha e as Grutas, partindo de Lisboa de carro. Acredito que passarei o período da manhã em Fátima e a tarde seguiria para conhecer o Mosteiro da Batalha e por último visitaria as grutas. Você acha possível fazer esta rota em 1 dia? Considerando que o horário de visita nas grutas termina às 17:30 em Outubro…
    Muito Obrigada!!

  8. Avatar

    Olá! Estamos em Lisboa e alugamos um carro para amanhã. Pretendemos fazer o passeio pela gruta, Fátima e Óbidos. Você acha que é possível em um dia? Qual a melhor ordem? Adoramos as dicas! Parabéns! 😘

    • Rafael Boro

      OLá, Daniela
      Tudo bem?
      Ficamos felizes que tenham gostado das nossas dicas! 🙂
      É possível sim.
      A melhor ordem é Óbidos, grutas e Fátima, já que o Santuário fica aberto até mais tarde e vocês podem aproveitar melhor a vila de Óbidos e chegarem as grutas com tempo de sobra para fazer a visita.
      Um abraço e boa viagem!

Deixe um comentário