Açores: onde comer os famosos bifes da ilha de São Miguel?

0

Você está com tudo pronto para a sua viagem a maior ilha do arquepélago dos Açores, porém, o seu roteiro não estará completo se não descobrir onde comer o melhor bife regional da Ilha de São Miguel, certo? Tenho uma boa notícia: há muitos bons restaurantes na ilha de São Miguel que servem esse tradicional prato.

Primeiro de tudo, se você ainda não sabe o que é esse bife, eu te conto. 😉 Ele é o prato de carne bovina mais conhecido da Ilha de São Miguel – quiçá dos Açores – feito com a parte mais nobre da vaca açoriana, o lombo (equivalente ao filet mignon no Brasil). Tradicionalmente, ele é frito e servido com o molho da frigideira, pimenta da terra, alho e batata frita. Entretanto, ao longo de toda a ilha você também encontra bifes bovinos saborosíssimos e suculentos com outros acompanhamentos, que também valem a pena.

Agora, papel e caneta na mão, ou se prefirir, salve essa lista no seus favoritos e bom apetite! 😉

icon-hotelReserve o seu hotel nos Açores pelo Booking, com opção de cancelamento gratuito

Onde comer o bife regional da ilha de São Miguel?

Restaurante Alcides (Ponta Delgada)

Está aí o Bife à Regional, do restaurante Alcides, que não me deixa mentir

Todos os bifes que provamos na Ilha de São Miguel foram ótimos. Mas se for pra eleger o melhor, o do Alcides fica com a medalha de ouro. Carne suculenta e com a quantidade ideal de molho a partir de 15€. A entrada (um prato com vários tipos de queijos açorianos) e a sobremesa também estavam impecáveis.

O restaurante faz parte de um hotel com o mesmo nome. Fique tranquilo que ele não tem “cara” de restaurante de hotel e você não precisa passar pela recepção para entrar. O ambiente é acolhedor e bem decorado.

Restaurante Alcides
Endereço: Rua Hintze Ribeiro, 61 – Ponta Delgada
Contato: (+351) 296 629 884
Horário: segunda a sábado, das 12h às 15h e das 19h às 22h – fecha domingo

O seguro viagem é obrigatório para todo o viajante brasileiro que vai aos Açores. Explicamos aqui nesse artigo como escolher o seu.

Restaurante Lagoa Azul (Sete Cidades)

A pequena aldeia de Sete Cidades também tem um bom lugar para comer o bife regional. Isso é muito importante para quem está passeando pela região da paradisíaca Lagoa das Sete Cidades (a foto abaixo é real 😉 )

O Restaurante Lagoa Azul é pequeno, familiar, simples e com atendimento simpático. O prato veio bem servido e saboroso. Eles têm dois tipos de serviço: o menu normal diário, com pratos de carne e peixe, e o buffett, de sexta a domingo.

Restaurante Lagoa Azul
Endereço: Rua da Caridade, 28 – Sete Cidades
Contato: (+351) 296 295 493
Horário: todos os dias, das 08h às 22h

Restaurante da Associação Agrícola de São Miguel (Ribeira Grande)

Bem-vindo ao paraíso dos bifes! 🙂 Isso deveria estar escrito logo na entrada do Restaurante da Associação Agrícola de São Miguel.

Bife à Regional com molho de queijo do Restaurante da Associação Agrícola

Aqui você tem a oportunidade de provar os bifes açorianos feitos de diferentes formas. Nós não perdemos tempo e escolhemos dois: o “clássico” (a partir de 6€, dependendo do tipo e tamanho da carne) e o com Queijo da Ilha (13€). Vou te falar… Foi a melhor coisa que a gente poderia ter feito. O molho de queijo é fabuloso. Vale muito a pena misturar essas duas maravilha dos Açores.

Como é óbvio, o menu privilegia as carnes. Mas também há pratos de peixe. Apesar do espaço ser grande, aconselho que faça reserva, especialmente no almoço, entre 12h e 15h, e no jantar.

Restaurante da Associação Agrícola de São Miguel
Endereço: Recinto da Feira, Campo de Santana – Ribeira Grande
Contato: (+351) 296 490 001
Horário: todos os dias, das 12h às 23h

Conheça quais são as 9 ilhas do arquipélago dos Açores

Restaurante A Tasca (Ponta Delgada)

A Tasca é um dos restaurantes mais concorridos do centro histórico de Ponta Delgada. Depois de acabar de comer, você vai entender o porquê. 😉 Mas não esqueça de fazer reserva um dia antes. Foi assim que conseguimos jantar lá sem esperar.

As mesas de madeira e a decoração rústica fizeram a gente ficar bem à vontade. Independente do ótimo bife regional (a escolha da Pri) recomendo também as lapas grelhadas e o bife de atum dos Açores.

A carta de vinho também tem opções de várias regiões do país. Porém, optamos por uma garrafa do Terra de Lavas, da Ilha do Pico, onde as uvas são cultivadas em solo vulcânico.

A Tasca
Endereço: Rua do Aljube, 16 – Ponta Delgada
Contato: (+351) 296 288 880
Horário: segunda a sábado, das 11h às 02h – domingo, das 17h à 00h

A série de reportagens #AçoresParaBrasileiros foi idealizada pelos blogs Cultuga e Almost Locals. A nossa visita à Ilha de São Miguel, nos Açores, contou com o apoio do VisitAzores, que organizou nosso roteiro; do Hotel VIP Executive Azores (Ponta Delgada), onde ficamos hospedados; da Autatlantis, que nos cedeu o carro durante nossa estadia na ilha, e da SATA – AzoresAirlines, que nos ofereceu os voos de Lisboa a Ponta Delgada e de Ponta Delgada a Lisboa.

Organize aqui a sua viagem para os Açores

icon-saude

Faça o Seguro Viagem com a Real Seguro Viagem em 6x sem juros

icon-carroVeja os melhores preços para alugar um carro na Rental Cars

icon-hotel

Reserve o seu hotel nos Açores pelo Booking, com opção de cancelamento gratuito

Serviços do Cultuga

icon-tour

Deseja ter a nossa companhia durante a sua visita a Lisboa? Faça um tour conosco

icon-foto

Leve um suvenir diferente da sua viagem: faça um ensaio fotográfico

Veja também o índice de artigos do Cultuga para ajudar no planejamento do seu roteiro com muitas dicas, sugestões de rota e outras informações sobre Portugal e ilhas portuguesas ?

Compartilhe.

Sobre o autor

Rafael Boro

Sou jornalista, tenho 34 anos e, apesar de ter nascido em São Paulo, adotei Lisboa como minha cidade. Gosto de apreciar a gastronomia lusa e, sempre que posso, vou a um café ou a um restaurante que não conheço. Lisboa também me trouxe um time de futebol do coração, o Sporting, mesmo tendo o tênis como o meu principal esporte. Troco fácil os transportes públicos por uma longa caminhada. Na minha playlist de música portuguesa não falta David Fonseca e Tiago Bettencourt.

Deixe um comentário