Onde mobiliar um apartamento em Lisboa?

Conhece alguém que vai viajar para Portugal? Envie este artigo!

Depois de organizar toda a documentação, alugar um apartamento e ligar todos os serviços necessários, chegou a vez de deixar a sua casa com cara de lar. Se você optou por um apartamento mobiliado, maravilha. Não há muito com o que se preocupar.

Lojas para mobiliar um apartamento em Lisboa

Entretanto, se for como no nosso caso, que escolhemos um cantinho totalmente vazio, é importante garimpar preços e estudar quais são as prioridades imediatas da casa. Já aviso que há, sim, muitas oportunidades de segunda-mão na cidade. A popular Feira da Ladra (Campo de Stª Clara/ Lisboa, as terças e sábados, das 6h às 17h) é uma das sugestões. Em bairros menos turísticos, como nos arredores de Sete Rios/ Benfica, por exemplo, também há diversas lojas do gênero.

Outra coisa bastante popular por aqui são as enormes lojas chinesas, que tem de tudo. Entretanto, aconselho comprar somente coisas realmente simples. Dependendo do produto, nem são tão baratas assim. Diversos itens oferecidos nesses espaços são frágeis e não têm grande durabilidade.

Agora, aproveito para partilhar quais são as lojas que usamos para rechear a nossa casa. Todas elas apresentam boas oportunidades e preços. São as melhores opções, na minha opinião, para quem pretende começar uma vida em Lisboa.

Ikea

A famosa rede sueca tem duas lojas nos arredores de Lisboa, uma em Loures e a outra em Alfragide. Para chegar a qualquer uma delas de transporte público há diversas opções. Todas as indicações e informações necessárias estão site da loja.

A Ikea (aqui se diz “iquéia” ou “iqueá”) é um paraíso. A loja é imensa, uma mistura de Etna com Tok&Stok. Há uma variedade grande de produtos com design e preços ótimos (dá para ver tudo no site). Porém, esteja atento a qualidade das peças. Claro, como em todos os comércios, há produtos bons e outro não tão bons assim.

Particularmente, não tenho o que reclamar. A nossa casa é 85% Ikea e o nosso gasto foi de 1/3 ou até 1/4 do que imaginávamos. Creio que os produtos verdadeiramente caros são o sofá, o colchão e o armário do quarto. De resto, é possível gastar muito pouco e deixar a casa com cara de lar.

Uma coisa curiosa é que há coleções muito tradicionais no Ikea. Aquela boa e barata, que todo mundo compra. Em virtude disso, muitas casas do mundo todo ficam com a mesma cara. Se você der uma pequena busca na web, vai encontrar uma porção de sugestões para customizar os seus móveis. A própria loja edita uma revista que trata do assunto.

Outro ponto que vale destaque é que por lá tudo é no melhor estilo “faça você mesmo”. Ou seja, você escolhe o que quer levar, anota os códigos dos móveis, vai ao estoque recolher suas peças e leva tudo para o caixa (mesmo com camas, colchões, estantes, etc.). Depois, você tem a opção de carregar tudo por conta própria para a sua residência. Caso contrário, ainda há a opção de solicitar a entrega, mas as taxas são relativamente altas dependendo do número de produtos e dos valores de cada um deles.

Por isso, considere comprar tudo de uma só vez. Fizemos isso, foi extremamente cansativo, mas pagamos somente uma taxa de entrega e tivemos um atendimento ótimo em todas as etapas.

El Corte Inglés

Aqueles que conhecem o El Corte Inglés superficialmente vão achar que sou louca de colocá-lo aqui na lista. Entretanto, foi nele que encontrei alguns eletrodomésticos a preços bem competitivos, com qualidade e entrega gratuita.

Ele parece um enorme shopping, com uns 10 andares. Cada um dos pisos é direcionado a um setor. Entretanto, no lugar das lojas, há um grande espaço aberto de multimarcas. Assim, fica mais fácil escolher e comparar os preços.

O El Corte Inglés tem uma marca própria de eletrodomésticos. A nossa geladeira, inclusive, foi comprada lá. Até o momento, não tive problema algum com ela. Foi a mais barata que encontramos na cidade. O mesmo aconteceu com o forno elétrico e um conjunto (bom) de panelas. Chegamos a fazer uma pequena cotação (aqui não há muitas lojas para comparar preços) e acabamos por comprá-los lá também.

Claro que, por ter marcas importadas, há uma lista grande de produtos caríssimos. Mas vale a pena procurar o que precisa, principalmente em eletrodomésticos.

Worten

Confesso que fiquei um pouco chateada da última vez em que estive na Worten. Pedi a cotação de alguns eletrodomésticos e fui atendida com alguma grosseria (por isso, comprei o que faltava no El Corte Inglés). De qualquer forma, antes do ocorrido, tinhamos encontrado outros produtos que precisávamos para a casa e foi lá que fizemos a compra. Não tivemos qualquer problema e eles sempre estão com promoções e descontos.

Esteja atento a entrega. Ela, geralmente, é cobrada a parte (dependendo do valor da compra). Se você puder levar os produtos por conta própria, melhor.

Continente

Esse supermercado é uma espécie de Extra. Ele faz parte do mesmo grupo da Worten. É uma megaloja com boas opções para quem busca itens de cozinha e área de serviço. Baldes, vassouras, escada, panos de limpeza, potes, etc. Nesse supermercado foi onde encontramos os tapetes para a casa toda com melhor custo/ benefício. Há boas lojas do Continente bem localizadas em Lisboa (como nos shoppings Colombo e Vasco da Gama, por exemplo)

Viva, Espaço Casa e Loja Casa

A visita a essas lojas é para uma nova etapa: a decoração. Depois de ter o básico funcionando em casa, aconselho uma vista de olhos nessas lojas. Elas são bonitinhas e trazem uma seleção de itens para – sobretudo – cozinha e banheiro bem interessantes. Nem tudo tem um bom preço, mas há algumas oportunidades valiosas. Há lojas das três marcas em vários lugares da cidade (para facilitar, visite as filiais do centro histórico).

Tiger e Ale-Hop

A Tiger é uma das minhas queridinhas. Pensa em uma loja de cacarecos liiiindos – boa parte de grande utilidade – e com um preço dos sonhos. O lugar é aqui. A marca é dinamarquesa e mensalmente troca uma porção de produtos. Os nossos pregadores de roupa e a lixeira do banheiro, por exemplo, são de lá. Uma gracinha. Vale dar uma espreitada no site para sentir o gostinho. A principal loja lisboeta fica no centro histórico. Fácil, fácil de chegar.

Já a Ale-Hop é uma das lojas mais maluquinhas da cidade – começando pela porta, que tem uma vaca enorme. Com uma boa garimpada, dá para encontrar coisas úteis, bem legais para a casa e a preços convidativos.

Pollux

Essa é uma outra loja do centro. Porém, diferente da maioria aqui listada, é megatradicional. É uma loja grande, com vários andares, boas opções de produtos para a casa toda e preços ótimos. No último andar, tem até um café e uma vista lindinha do Chiado. Descobrimos essa loja tardiamente. Por isso, coloque-a na sua lista para buscar, por exemplo, peças de plástico diversas, seja para cozinha, área de serviço ou banheiro. É realmente ótima.

Aki

Se o apartamento que você entrou precisa de algum reparo, é essa a loja que você pode procurar material. Acabamentos, detalhes para o banheiro e cozinha, itens de jardinagem, aquelas coisas relacionadas a materiais para construção, sabe? É um bom lugar. Ah, e eles vendem molduras para quadros também a bons preços (assim como na Ikea).

Fnac

Por fim, mas não menos importante, incluo a Fnac na lista. Para comprar eletrônicos (como computadores, câmeras fotográficas, telefones celulares, etc.), é uma opção interessante. Vale a pena consultar. Já fizemos alguns negócios com a loja e eles são absolutamente corretos. Fora, claro, os livros e os discos… Mas isso seria papo para um outro post. Afinal, se quer encher a sua casa de cultura, há tantas outras maravilhosas opções!

Boas escolhas para sua viagem a Portugal

icon-saude

SEGURO SAÚDE E VIAGEM
Faça o seu seguro para Portugal com a Real Seguro Viagem e ganhe 10% de desconto!

icon-carro

ALUGUEL DE CARRO
Na RentalCars você recebe o orçamento de aluguel de carro das empresas mais conhecidas de Portugal.

icon-hotel

HOTÉIS E APARTAMENTOS
Utilizamos o Booking para reservas há mas de 15 anos. Apartamentos turísticos, casas típicas rurais e excelentes hotéis com cancelamento gratuito!

Conheça os serviços do Cultuga!

icon-carroTRANSFER E TOURS
Tenha uma viagem a Portugal tranquila com os transfers e tours do Vinícius e sua equipe!

TOURS A PÉ
Conheça Lisboa a pé com os nossos tours históricos e culturais!

icon-tourTOUR DE TUK TUK
Quer ter uma experiência divertida? A Kamila vai te levar em um tour de tuk tuk!

icon-foto

SESSÃO FOTOGRÁFICA
As nossas fotógrafas conhecem os lugares mais bonitos para fazer o seu ensaio fotográfico!

Sobre o autor

Priscila Roque

Sou jornalista especializada em cultura e fotógrafa. Foi preciso passar dos 30 anos para assumir que Lisboa é, realmente, o meu lugar no mundo. Mas a paixão por Portugal começou bem mais cedo, ainda na adolescência, quando descobri alguns músicos locais. Os meus pais são portugueses imigrados no Brasil. Depois de fazer o caminho inverso deles, trocando São Paulo por Lisboa, quero agora, com o Cultuga, diminuir a distância que separa o Brasil de Portugal.

12 Comentários

  1. Avatar
    Helena de Castro em

    PRISCILA, SEU BLOG É MUITO BOM.
    ESSA É MINHA OPINIÃO, DE UMA BRASILEIRA COM DUPLA NACIONALIDADE, QUE VIVE ENTRE lISBOA E RIO DE JANEIRO.
    TUDO QUE VOCÊ FALA É MAIS OU MENOS POR AÍ. EU DIRIA QUE SEU BLOG É DE ÚTILIDADADE PÚBLICA (PARA AQUELES QUE QUEREM SE AVENTURAR) POR TERRAS LUSAS SEM MUITO CONHECIMENTO SOBRE PORTUGAL E SOBRE OS DESAFIOS QUE VÃO TER QUE SUPERAR.
    PARABÉNS.
    RESOLVI TE ESCREVER NÃO SÓMENTE PARA TE ELOGIAR, MAS TAMBÉM PARA TE FAZER UMA PERGUNTA. QUE NÃO É RESPONDIDA POR NINGÚEM AQUI NO BRASIL, NEM PELOS BANCOS NEM PELO INSS. DESCONVERSAM E DIZEM QUE NÃO SABEM.
    MAS HÁ RUMORES E SE HÁ RUMORES EXISTE ALGUMA COISA.
    SABES AÍ EM PORTUGAL SE PORTUGUESES E BRASILEIROS QUE RECEBEM SUAS APOSENTADORIAS, ORIUNDAS DO BRASIL TÊM DESCONTO DE RENDA NA FONTE DE 25%. PORQUE (APOSENTADO NÃO TÊM DESCONTO DE IMPOSTO DE RENDA). DIZEM QUE DILMA RESOLVEU TAXAR APOSENTADOS QUE VIVEM NO EXTRANGEIRO .ISSO É VERDADE? TENS ALGUM CONHECIMENTO ?
    SE SABES ALGUMA COISA FARIAS O FAVOR DE ME INFORMAR.
    TE AGRADEÇO,
    HELENA RODRIGUES

    • Priscila Roque

      Olá, Helena!
      Tudo bem?
      Agradeço todo o seu carinho pelo Cultuga!
      Com relação a sua pergunta, não tenho também uma certeza com relação a isso, pois não conheço ninguém que esteja passando por essa experiência. Mas dei uma pesquisada na Internet para tentar esclarecer a sua dúvida e encontrei alguns links que podem nos ajudar:
      Projeto de lei que prevê a eliminação dessa taxa: http://www.camara.gov.br/proposicoesWeb/fichadetramitacao?idProposicao=608052
      Grupo do Facebook que discute essa taxa: http://www.facebook.com/aposentadosnoexterior
      Creio que nesse primeiro momento não valha a pena transferir permanentemente a aposentadoria do Brasil para Portugal. Senão, você terá essa taxa descontada, sim, em 25%. Como há esse projeto de lei na Câmara, aconselho a acompanhar o desfecho dessa história. Pode ser que esse imposto seja cortado. E, então, essa transferência automática seja vantajosa.
      Se você precisa do dinheiro em Portugal, pode optar deixar um procurador de plenos poderes no Brasil que possa fazer essa transferência para você entre contas bancárias do Brasil e de Portugal (por meio do swift) ou via remessas do Western Union. Nos dois casos, você paga taxas, mas certamente serão inferiores aos 25% cobrados pelo governo.
      Espero que tenha ajudado!
      Um grande beijo!

  2. Avatar

    Olá! Ajudando um pouco a esclarecer essa dúvida, o aposentado que vive no Brasil é isento de IR se receber por mês até R$3.421,56 ou em 1 ano R$44.480,28. Se receber mais que isso, pagará IR na alíquota q couber. Mas se ele for morar definitivamente em outro país, será debitado 25% do valor de sua aposentadoria. Na pensão, a alíquota é de 15%.
    Há um tempo atrás, li que a Espanha entrou com uma ação contra esse absurdo e ganhou, portanto, se o brasileiro for morar na Espanha, não sofrerá esse abuso.
    Lendo pela internet, encontrei dicas também no blog do advogad Eduardo Koetz, procurar por “como evitar a retenção de 25% na aposentadoria de brasileiros no exterior”.
    Como Portugal faz parte de um Acordo Internacional (que é o mesmo da Espanha) nós podemos tentar e esperar por algo bom, mas o melhor é que Portugal se manifestasse como fez a Espanha. Pois assim, ajudaria todos.
    Espero ter ajudado e também desejo daqui um tempo viver ou passar longas férias na terrinha que também amo muito.
    Abraços e obrigada pelas dicas do site. Cristiane Paiva.

  3. Avatar

    Olá a todos! Só para esclarecer, não é bem assim, não. O aposentado brasileiro que for morar em qualquer país, a exceção de Espanha e Japão, sofrerá um desconto de 25% no valor de sua aposentadoria, independentemente do valor do benefício, o que não ocorre nem mesmo aqui dentro de nosso país. Um descalabro total ! E me parece que não é uma questão de optar ou não por transferir o recebimento para , no caso, Portugal, pois que tudo precisará ser documentado e oficializado e dado a conhecimento, se alguém decide viver legalmente por lá. Declaração de saida do país, permissão de residência , etc….Claro! Eles cercaram tudo para evitar que o brasileiro possa dar um “jeitinho nisso”. A única saída é fazer um acordo semelhante ao que o Brasil fez com a Espanha. Uma outra coisa interessante é que o aposentado que optar por viver na Espanha não terá esse desconto, mas, mesmo que seja cidadão da UE , não terá mais direito a tarjeta sanitária e somente poderá ser atendido pelo sistema de saúde em casos de emergência. Em Portugal não sei como isso funciona, mas me parece que em virtude de um acordo bilateral, brasileiros e portugueses poderão ser atendidos uns nos paises de outros normalmente.
    Quanto a afirmação da Crsitiane de o acordo internacional é o mesmo em Portugal e Espanha, também não é bem assim….cada acordo é um acordo independente., Espero ter ajudado

    Abraços !!!

  4. Avatar

    Priscila, boa noite!
    Estamos pretendendo mandar nosso filho para estudar em Lisboa. Uma facilidade ele é português, outra facilidade temos condições de comprar um ap em Lisboa, ……aí vem as dificuldades…..como somos acostumados com o Brasil é existem bairros com todos os índices de desenvolvimento humano (por exemplo Rj: Ipanema Botafogo Humaita: idh Suécia; tijuca, Grajaú: idh do México; favela da rocinha: idh da África)…..
    Em pesquisa observamos alguns bairros em Lisboa como campo do ourique, estrela, Campo Grande, Campolide, avenidas novas, olivais do Norte e do sul, parque das nações, galinheiros,mamoneiras, chiado,, enfim uma sopa de letrinhas para nós aqui……
    Poderia nesta linha nos dizer se tipo de escalonamento em termos de segurança, tranquilidade,mãos vizinhança,….

    Obrigado,

    • Priscila Roque
      Priscila Roque em

      Olá, Bruno
      Como vai?
      Se você não conhece Lisboa e deseja comprar um imóvel com uma seleção a distância, o ideal é que você tenha o aconselhamento de um profissional local que possa direcioná-lo com relação ao que precisa, ao tipo do imóvel, aos serviços e acessos do bairro e ao valor que pretende investir, pois cada um dos locais que citou oferece um tipo de moradia.
      Um abraço

    • Priscila Roque
      Priscila Roque em

      Olá, Manglio
      Como vai?
      Com os sites que indicamos aqui você poderá fazer a cotação do quanto vai gastar para mobiliar um apartamento, de acordo com as suas necessidades.
      Um abraço

  5. Avatar
    Joana D'Arc de Oliveira Paes Pinto em

    Priscila , gostei muito das suas informações ..Sou brasileira aposentada e estou pensando em ir morar em Portugal , assim
    como meu filho e família. Estamos à procura de tranquilidade e segurança, o que não se tem em nosso país. Ele também é aposentado , tem um filho de 17 e um de 24 anos concluindo o curso de Engenharia de Telecomunicações este ano. A esposa é Pedagoga e Advogada (não é aposentada ainda) . Tenho lido tudo que encontro sobre Portugal e penso que nossa renda dá pra viver relativamente bem
    aí. Se puder, gostaria que me informasse o que significa T1, T2, T3 , T…que a gente encontra quando pesquisa sobre imóveis para compra ou locação. Não sei até quanto vai este “T”.
    Desde agradeço a ajuda. Em tempo, tenho 77 ano , mas uma saúde boa para a idade. Esta seria um fator negativo para minha pretenção?

Deixe um comentário