5 maneiras de economizar com transporte em Portugal

22

Dando continuidade a série Portugal Gastando Pouco, com 7 posts que incluem dicas essenciais para evitar despesas desnecessárias na sua próxima viagem a terrinha, hoje falarei da principal dúvida dos viajantes brasileiros: o transporte.

Planejar o percurso do seu roteiro é fator decisivo na economia da viagem. Colocar os gastos na ponta do lápis te ajudarão a perceber quando o transporte público realmente é uma vantagem sobre o aluguel de um carro. Entretanto, para fazer essas contas, é preciso conhecer os descontos e as facilidades que o país dispõe nesse setor. Vamos a isto?

1. Trens entre cidades com 40% de desconto

A empresa responsável pelos caminhos de ferro portugueses, tanto urbanos, como entre cidades e também para fora do país, é a CP – Comboios de Portugal (comboio é como se chama trem em Portugal).

Viajar de trem é uma opção interessante em Portugal, pois as linhas conectam partes importantes do país. Tenha apenas atenção com a localização das estações antes de fazer essa opção. Por vezes, ela pode ser fora do centro e você precisará, então, pegar outro transporte para alcançar as atrações ou o seu hotel (e isso já aconteceu conosco em Albufeira).

percurso_trem_portugal

Diagrama oficial da CP com as principais ligações de trens do país.

Para cidades como Porto e Coimbra, outra dica importante é que as estações de chegada pelos trens de longo curso são fora do centro histórico. Porém, com o mesmo bilhete de chegada, você poderá pegar o trem urbano que o levará até o centro. Assim, você poderá seguir de Porto – Campanhã para Porto – São Bento e também de Coimbra – B para Coimbra – A.

Agora, vamos ao que interessa: os descontos! Para os longos deslocamentos, os tipos de trens que você poderá usar são o Alfa Pendular (mais caro, mais confortável e mais rápido) e o Intercidades (um pouco mais lento e também mais em conta). E são esses os trens que oferecem a partir de 40% de desconto na compra antecipada (seja pela Internet, seja na bilheteria) – de 5 a 60 dias antes da sua viagem (atenção: esse desconto não é acumulativo com outras promoções).

Um outro ponto importante é que os maiores de 65 anos têm 50% de desconto e os jovens até 25 anos têm 25% de desconto – esses bilhetes podem ser comprados na hora. Crianças até 4 anos, que viajam no colo de um adulto, não pagam. Aquelas com mais de 4 anos e menos de 13 têm 50% de desconto. Esses descontos se estendem também aos trens regionais.

Apaixone-se por Portugal com a nossa consultoria de viagem

2. Ônibus entre cidades: compra online com desconto

Para viajar entre cidades portuguesas há diversos serviços de ônibus (chamados de autocarros ou camioneta da carreira – esse último termo mais comum nas pequenas localidades), geralmente escolhidos por alcançarem localidades que o trem não chega.

A empresa que cobre a maior parte do país é a Rede Expressos, com mais de 300 localidades. Se o seu destino for coberto por ela e você precisar retornar para o mesmo local de partida (como em um esquema bate-volta, por exemplo), aproveite para comprar a ida e volta de uma só vez. De acordo com cada destino e dia de semana, o desconto pode ser maior ou menor.

A Rede Expressos também oferece 5% de desconto para todas as compras online (os bilhetes são enviados para o seu e-mail).

Essa é a home do site da Rede Expressos

Essa é a home do site da Rede Expressos – com destaque para o local em que você fará a pesquisa da sua passagem

Outro desconto relevante são para os jovens até 29 anos e para os jovens senhores acima de 65 anos. No bilhete somente de ida são 15% desconto todos os dias da semana + 5% pela compra online. Para o bilhete ida e volta são 20% desconto (de sexta a domingo) e 25% desconto (de segunda a quinta e sábado) + 5% pela compra online. Crianças até 4 anos, que viajam no colo de um adulto, não pagam.

3. Pedágio: Autoestradas x Estradas Nacionais

Se você está em família, tem mobilidade reduzida, busca algum conforto, vai viajar durante o inverno ou pretende chegar a pequenas aldeias – locais que o transporte público não alcança, vale a pena considerar o aluguel de um carro para essa viagem.

A divisão de estradas portuguesas pode parecer um pouco complexa a um primeiro olhar, mas não se assuste. É bem simples dirigir por entre as rodovias de Portugal. Chato mesmo é dentro das grandes cidades, como em Lisboa e no Porto, para driblar o trânsito e as ruas “fora de mão”.

O chamado Plano Rodoviário Nacional é basicamente dividido pela Rede Fundamental, em que estão os Itinerários Principais (sinalizados na estrada por “IP”), e pela Rede Complementar, em que estão os Itinerários Complementares (sinalizados na estrada por “IC”). Dentro de cada um dos IPs e ICs, você encontrará as Autoestradas (A), as Estradas Nacionais (N) e outras ainda menores, com denominações diversas.

As Autoestradas são impecáveis, grandes e “robustas”. Elas o levarão rapidamente de um canto a outro do país, com bastante segurança, velocidade e suporte. Entretanto, o ponto negativo são os altos preços dos pedágios praticados aqui (chamados de portagens em Portugal), algo difícil de escapar.

estradas_portuguesas_pedagios_cultuga

Estrada impecável em Portugal no nosso caminho de retorno entre Nazaré e Lisboa

Já as Estradas Nacionais são mais lentas e, por vezes, passam por dentro das cidades. Porém, há muitas delas com boa qualidade de asfalto. A parte positiva de optar por esse percurso é que você terá a oportunidade de conhecer pequenas localidades no meio do caminho e, claro, por vezes economizar bastante nos pedágios.

Para descobrir quando vale e quando não vale a pena trocar uma Autoestrada pela Estrada Nacional, tome nota de um site importantíssimo, que consulto sempre: www.viamichelin.ptCom ele, você poderá simular o custo do pedágio, uma média do combustível que será gasto para cada percurso da sua viagem e também o tempo que você vai demorar para percorrer determinada quilometragem. Aqui, o planejamento antecipado e a organização são primordiais para cortar gastos.

4. Avião: empresas low cost

As empresas de voos de baixo custo, Ryanair e EasyJet, entraram com tudo em Portugal nos últimos anos oferecendo trajetos entre as principais cidades de ligação aérea do país (Lisboa, Porto e Faro), além de levar os passageiros também para algumas ilhas dos Açores e da Madeira.

Lisboa vista do céu a partir do nosso voo da Easyjet

Lisboa vista do céu a partir do nosso voo da Easyjet

Isso significa que ficou muito barato transitar por Portugal com rapidez. Eu já viajei diversas vezes para dentro e fora de Portugal com as duas empresas e ambas cumprem com aquilo que se propõem – uma viagem segura e econômica, sem conforto. Porém, tenha alguns cuidados antes de comprar um bilhete de avião de baixo custo para não se arrepender depois:

Pesquise as passagens com antecedência e acompanhe as redes sociais de ambas as empresas para ficar por dentro de promoções (nós já voamos de Ryanair, Lisboa-Porto, por inacreditáveis 3€);

–  Saiba que a maioria dos voos praticados por essas empresas não decolam e aterrisam no terminal principal dos aeroportos portugueses, o que acaba por tomar algum tempo extra seu de deslocamento;

Como os preços praticados são baixíssimos, nenhum extra está incluído no valor. Isso significa que, se você quiser escolher o local do seu assento, por exemplo, terá que pagar um extra. O mesmo vale para bagagem despachada. Com uma empresa de baixo custo, o ideal é viajar somente com uma mochila ou pequena mala que possa ser carregada na aeronave;

Você necessariamente terá que fazer o seu check-in online. Caso contrário, também terá que pagar uma taxa no balcão.

Não espere por qualquer conforto. Digo que viajar de EasyJet ou de Ryanair é ir de busão para qualquer lugar – ainda que muitos ônibus da Rede Expressos, por exemplo, sejam super confortáveis rs. Porém, lembre-se que são percursos curtos e que um pouquinho de paciência já resolve essa questão;

– Por fim, leia atentamente todas as observações da compra da sua passagem e cumpra cada uma delas com rigor. Dessa forma, você terá uma viagem muito tranquila e se sentirá satisfeito com o preço que pagou.

Pessoalmente, eu indico essa opção para quem pretende viajar para a Ilha da Madeira ou alguma das ilhas dos Açores. Esses voos low cost ajudaram – e muito – o deslocamento do continente até lá. Para voos que ligam o Porto a Faro também pode ser uma boa ideia, visto que chegar ao Algarve de trem ou de ônibus, para quem vem do norte, é um pouco mais cansativo.

5. Quando o táxi vale a pena?

É bastante comum vermos turistas pegando táxi para sair de uma cidade e chegar a outra por aqui. Lembro da primeira vez que vim a Portugal com a minha avó, em 2007. Chegamos pelo aeroporto do Porto e uma das minhas tias avós foi nos buscar. Fomos de táxi de lá até a Gafanha da Nazaré, na região de Aveiro, e a nossa corrida deu 80€ (cerca de 90km). Por vezes, essa prática não sai nada em conta, apesar da praticidade e da comodidade. Com a gente valeu a pena, pois eu estava com duas senhoras e algumas malas – acabamos por não ter outra opção.

Entretanto, se você pretende pegar um taxi para passear, por não poder dirigir ou por não querer usar os demais transportes que aqui listamos, aconselho que faça antes a cotação de um tour privado para o destino que pretende ou com pequenas excursões. Essa também é a oportunidade que você terá de conhecer melhor os locais que deseja, tendo a companhia de um guia.

Porém, o táxi dentro das cidades é barato e, sim, vale a pena. Vamos supor que você esteja viajando em família, dois adultos e dois adolescentes. Para um percurso de 4km, você gastaria por volta de 6€ – um valor muito próximo daquele que você vai gastar com os bilhetes de transporte público para todos. No retorno de um jantar mais tarde, depois de um dia muito intenso de passeios ou se o tempo não estiver muito bom, com uma chuvinha, é uma excelente escolha.

Aproveito também para deixar um link bem interessante aqui, que vai te ajudar a planejar os custos de uma corrida de taxi em Portugal: taximeter.geolink.pt. Ele não é preciso, pois depende, claro, do horário e do trânsito que você vai pegar no percurso. Porém, dá para ter uma boa noção de valores.

Leve um suvenir inesquecível de sua viagem a Portugal

Organize aqui a sua viagem para Portugal

icon-saude

Faça o Seguro Viagem com a Real Seguro Viagem em 6x sem juros

icon-carroVeja os melhores preços para alugar um carro na Rental Cars

icon-hotel

Reserve o seu hotel em Lisboa pelo Booking, com opção de cancelamento gratuito

Serviços do Cultuga

icon-tour

Deseja ter a nossa companhia durante a sua visita a Lisboa? Faça um tour conosco

icon-consultoria

Apaixone-se por Portugal com a nossa consultoria de viagem

icon-foto

Leve um suvenir diferente: faça um ensaio fotográfico em Portugal

Veja também o índice de artigos do Cultuga para ajudar no planejamento do seu roteiro com muitas dicas, sugestões de rota e outras informações sobre Portugal 🙂

 

Compartilhe.

Sobre o autor

Priscila Roque

Sou jornalista especializada em cultura e fotógrafa. Foi preciso passar dos 30 anos para assumir que Lisboa é, realmente, o meu lugar no mundo. Mas a paixão por Portugal começou bem mais cedo, ainda na adolescência, quando descobri alguns músicos locais. Os meus pais são portugueses imigrados no Brasil. Depois de fazer o caminho inverso deles, trocando São Paulo por Lisboa, quero agora, com o Cultuga, diminuir a distância que separa o Brasil de Portugal.

22 comentários

  1. Thaís Figueiredo em

    Olá Priscila! Gostaria de dizer que seu site/blog foi simplesmente um ACHADO e o MELHOR que encontrei, rico em detalhes e dicas valiosas. Parabéns!
    Vou para Portugal no fim de abril/16, em família, com meu esposo e meus pais pela primeira vez para conhecer essa terra linda e comemorar a aquisição da nacionalidade portuguesa.
    Nosso roteiro de 15 dias é o seguinte: 4 dias no Porto, 1 dia em Guimarães e Braga com pernoite em Guimarães, 1 dia em Aveiro, 1 dia em Coimbra e os demais dias em Lisboa e de lá fazendo os trechos bate e volta para Óbidos, Sintra e Cascais.
    Preciso saber se é possível fazer Guimarães-Braga de ônibus e se é necessário pegar táxi para se deslocar entre os pontos turísticos dessas cidades. Meus pais são idosos e não possuem muita disposição para andar a pé. Desde já agradeço! Abraços e muito sucesso para vocês em 2016.

    • Priscila Roque
      Priscila Roque em

      Olá, Thaís
      Como vai?
      Agradeço tamanho carinho pelo Cultuga. Fazemos esse trabalho com imensa paixão 🙂
      Entre Guimarães e Braga, você poderá fazer de trem urbano (veja no site da CP http://www.cp.pt) ou de ônibus (veja no site da http://www.rede-expressos.pt), sim!
      Em Guimarães, você poderá tomar um táxi até o Castelo, por exemplo. Depois, será sempre descida até o centro histórico da cidade. No caso de Braga, dá para fazer tudo a pé. Vocês só precisarão do táxi se desejarem ir até o Santuário do Bom Jesus do Monte (que tem um mirante lindíssimo).
      Um forte abraço e uma excelente viagem. Contem conosco para o que for preciso!

  2. Boa tarde! Ficarei em Portugal 4 meses e gostaria que me indicasse uma boa locadora. Seria e com preços bons.

    Obrigada e parabéns pelo seu trabalho. Gosto muito.

    Angela

  3. Ola Priscila, boa tarde.

    Parabéns pelo site, é bem completo e ajuda bastante a planejar uma viagem.

    Tenho uma dúvida, ouvi falar que existe um passe mensal de transporte em Portugal, que pagando um valor pode-se utilizar os transportes públicos quantas vezes quiser durante o mês, é verdade? Se sim, como funciona exatamente? Pode ser usado em ônibus, trem e metrô? Qual a qualidade dos meios de transporte públicos de Portugal?

    Estou prestes a ir a Portugal e estou tentando adquirir o máximo de informações possíveis.

    Muito obrigado antecipadamente!

  4. isabella castro em

    Priscila como faço para comprar com o desconto de jovens na rede expressos? rodei o site todo e não entendi como funciona para comprar com esse desconto. Estrangeiro também pode? Obrigada desde já

    • Priscila Roque
      Priscila Roque em

      Olá, Isabella
      Como vai?
      Eles oferecem desconto aos jovens até 29 anos. Entretanto, não sei se o benefício é estendido aos estrangeiros – mas creio que sim (infelizmente já passei dos 29 tem algum tempo rs.). Você pode contactá-los pelos e-mails cliente@rne.pt e geral@rne.pt
      Para a compra do bilhete, é bem simples. Você poderá fazer pelo próprio site e, no momento da finalização, você seleciona a opção “jovem”. Na hora do embarque, basta mostrar ao motorista um documento que comprove a sua idade (nesse caso, creio que o passaporte). Mas confirme com eles antes essa questão.
      Um forte abraço e uma excelente viagem

  5. Olá Priscila, realmente devo me juntar aos demais e fazer um elogio: parabéns pelo site! realmente é possível enxergar o carinho do trabalho e a minúcia com os detalhes!
    Nesse momento estou montando minha viagem para Portugal em agosto desse ano. Vou ficar basicamente 14 dias e o roteiro pretendido é:
    – 3 dias e meio em porto;
    – 1 dia em Óbidos
    – 2 dias em Sintra
    – 3 dias em Algarve
    – 4 dias em Lisboa

    Gostaria de saber:
    1. O que acha do roteiro?
    2. Há alguma forma de realizar o trajeto Porto – Óbidos de ônibus? Eu procurei mas não me entendo direito com o site português de ônibus (não gostaria de fazer de trem, pois soube que o local de desembarque em Óbidos é muito longe do centro).
    Gostaria, de preferência ir de lá para Sintra de ônibus também, há jeito?
    3. Eu e meu namorado temos menos de 25 anos e gostaria de saber se realmente há uma taxa extra para os menores de 26 pagarem no aluguel de carro.
    Agradeço desde já a atenção e reitero os elogios!

    • Priscila Roque
      Priscila Roque em

      Olá, Luiza
      Como vai?
      Agradeço todo o seu carinho 🙂
      1. Achei o roteiro bacana e com um bom tempo para aproveitar os locais que escolheram.
      2. Não há ligação do Porto a Óbidos de ônibus. O ideal seria fazer Porto – Lisboa, depois Lisboa – Óbidos, Lisboa – Sintra e Lisboa – Algarve. Seria mais confortável e fácil para vocês pelo alto fluxo de transporte que a capital tem.
      3. Penso que essa taxa seja somente nos EUA ou em algumas empresas de aluguel. Não ouvi falar por aqui dessa taxa para menores de 25 anos (ainda que eles peçam para indicar a idade ao fazer a reserva). Esteja tranquila!
      Um forte abraço e uma excelente viagem a vocês!

  6. Olá, Priscila,
    Gostaria apenas de agradecer pelas inúmeras informações que você disponibiliza no site. Simplesmente bom demais, vai me ajudar muito. Não conheço Portugal mas sou doido para conhecer. Iria este ano, mas uma inesperada chegada (minha filha) lá em casa atrasou um pouco meus planos. Estou planejando agora ir ano que vem, pois quero aproveitar para fazer a corrida Douro Vinhateiro.
    Mas eu já estou começando desde já a estudar tudo, não sei ainda quantos dias (uns 10 no máximo), mas não gostamos do estilo turistão, gostamos de curtir a cultura onde ela realmente existe. Já estou pegando as dicas ! Devemos ficar basicamente em Lisboa e Porto, com umas fugidas bate-volta para visitar algumas cidades, como Évora, Sintra e Fátima. Mas ainda estou no começo, é possível ? Quem sabe em uma próxima oportunidade voltamos para conhecer o resto, pois sei que é diíicil conhecer tudo de uma só vez, infelizmente.
    Uma coisa é certa, irei contactar-lhes para um ensaio fotográfico quando formos.
    Um grande abraço !

    • Priscila Roque
      Priscila Roque em

      Olá, Alex
      Como vai?
      Sempre é tempo! Muita saúde para a sua filha 🙂
      Há mesmo muito para se ver em Portugal, mas deixar algo pendente é uma boa desculpa para poder voltar em outros tão bons momentos, não é? Tenho a certeza que vão aproveitar bastante pelo tempo que for!
      Temos muitas dicas aqui no Cultuga que poderão ajudá-lo na organização dessa viagem. Dá uma olhada nesse artigo que temos sobre os bate-voltas a partir de Lisboa: https://www.cultuga.com.br/2014/07/5-cidades-para-fazer-um-bate-volta-a-partir-de-lisboa/
      Conte conosco para o que for preciso. E, sobre o ensaio fotográfico, será um prazer registrar esse momento tão bonito de vocês por aqui!
      Um forte abraço e uma ótima semana

  7. Olá! Boa tarde! Estarei em Portugal por duas semanas agora em julho, eu e mais duas idosas, e pretendemos nos deslocar via ônibus! Achei o site da rede-expressos bem simples e a compra me pareceu também… não cheguei a completá-la porque não tive segurança, afinal, até fechá-la apenas indiquei o número do meu passaporte e o nome das três passageiras! Estranhei um pouco… é assim simples mesmo, posso confiar? Agradeço se souber me informar!

    • Rafael Boro
      Rafael Boro em

      Olá, Mariana
      Tudo bem?

      Pode confiar sim. Quando viajamos de ônibus, sempre compramos pelo site da Rede Expressos 🙂 Depois da compra, a passagem chega por e-mail.
      Um grande abraço e aproveite muito sua viagem por Portugal!

  8. Adriana Sally em

    Oi Priscila! Adoro o seu blog, ele tem dicas ótimas!
    Moro do Rio de Janeiro e vou viajar para Portugal em dezembro com a minha família, pra visitar a minha irmã que está fazendo intercâmbio em Bragança. Nós iremos desembarcar em Lisboa (não conseguimos vôo para o Porto, a maioria já tinha esgotado e os que restavam estavam muito caros) e pretendemos ir direto para Bragança. Vi que tem ônibus que faz Lisboa x Bragança, mas queria saber da possibilidade de transporte particular, um carro ou uma minivan com um motorista que faça esse trajeto para a gente. Você sabe onde podemos pesquisar isso? Tem dica de algum site?
    Obrigada.
    Adriana

    • Priscila Roque
      Priscila Roque em

      Olá, Adriana Sally
      tudo bem?
      Agradeço o seu carinho 🙂
      Que delícia! Vão a ruma região lindíssima!
      Não sei se ainda está em tempo, mas vou te enviar o contato de uma empresa que faz os tours de carro para nós por e-mail. Creio que eles possam fazer o orçamento desse transfer para vocês.
      Um grande beijo

    • Priscila Roque
      Priscila Roque em

      Olá, Carmen
      Tudo bem?
      Agradecemos a sua mensagem. Enviamos ao seu e-mail a indicação de uma empresa que gostamos muito 🙂
      Um grande abraço e uma excelente viagem

  9. Olá Priscila,
    Vamos a Portugal em setembro e gostaria das dicas de economia.
    Pretendemos ficar 4 dias em Lisboa, alugar um carro e seguir em um tour de mais 10 dias, incluindo litoral… Já fizemos uma viagem indo pela rodovia até Compostela e voltando pelo litoral até um pouco ao sul (Algarve?)…
    O que devo revisitar ou conhecer?
    Transporte público tem desconto para idoso estrangeiro?
    Local para ficar, preferencialmente plano e próximo conduçao.. porque chegar cansado e subir ladeira !!!
    Quais atraçoes o idoso tem vantagens?
    Tudo que puder ajudar será bem vindo.
    Obrigado

  10. Boa noite, Priscila e Rafael!
    Achei uma maravilha encontrar o site de vocês. Tem me ajudado bastante.
    Vocês conhecem alguma empresa que preste serviço de transfer do hotel para o aeroporto na cidade do Porto?
    Pegarei um voo do Porto para Madri às 06h da manhã no mês de outubro.
    Agradeço desde já.

    • Rafael Boro

      Olá, Samanta
      Tudo bem?
      Ficamos super contentes que tenha gostado do Cultuga! 🙂
      Enviei o nome de uma empresa do Porto para o seu e-mail.
      Um grande abraço e boa viagem!

Deixe um comentário