7 aldeias históricas nos arredores da Serra da Estrela

2

Uma das preciosidades de viajar por Portugal é poder descobrir suas aldeias e vilarejos. De lugares remotos a imponentes áreas históricas que se expandiram e deram origem a cidades mais desenvolvidas, todos fazem a diferença em um roteiro de viagem neste país. Se você tem curiosidade de visitar essas aldeias, listamos aqui 7 das quais recomendamos a visita na região da Serra da Estrela.

Aliás, a Serra da Estrela, que fica no centro de Portugal, é famosa por alojar a única estância de esqui portuguesa, além de ser também o ponto mais alto de Portugal continental. Mas não é só durante o inverno que vale a pena a visita. A Serra da Estrela tem paisagens de tirar o fôlego o ano todo.

Para visitar esses locais, é imprescindível fazê-lo com um carro alugado. Mas uma coisa é fato: você vai se surpreender e se apaixonar 🙂

Aldeias portuguesas perto da Serra da Estrela

As aldeias aqui indicadas podem ser feitas tranquilamente em um roteiro pela Serra da Estrela, quando você poderá fazer base em uma cidade maior da região ou em um hotel bem estruturado, se assim preferir, e se deslocar em bate-volta para conhecê-las. Entretanto, poderá ainda mesclar a sua estadia com uma experiência rural dormindo no Piódão ou em Monsanto, por exemplo.

1. Piódão

Aldeira do Piódão, na Serra da Estrela

Esse é um daqueles lugarejos de filme, sabe? Depois de rodar por uma longa e sinuosa estrada pela Serra do Açor adentro, lá está essa aldeia, que é um cartão postal de Portugal de qualquer ângulo que se veja. 

Casas de pedra escura, o xisto, que parecem ter sido construídas sobre um plano arquitetônico muito particular e uma paisagem envolvente que já foi riquíssima para a agricultura local. Parece um presépio. Uma pintura.

Aldeia do Piódão, na Serra da EstrelaAldeia do Piódão, na Serra da Estrela

E você pode me perguntar: “É possível fazer o Piódão em bate-volta de algum lugar da Serra da Estrela?”. Sim! Mas eu recomendo vivamente que você escolha passar uma noite por lá em uma casa de turismo rural. Conto nesse artigo como foi a nossa experiência… Mágica.

2. Belmonte

Castelo de Belmonte, na Serra da Estrela

Prepare-se para a conhecer a terra de Pedro Álvares Cabral. Belmonte tem uma vista privilegiada para a Serra da Estrela e seu charmoso centrinho é classificado como uma das Aldeias Históricas de Portugal.

No alto da aldeia está o Castelo de Belmonte, que coloca as bandeiras de Portugal e do Brasil lado a lado.

Esta aldeia ainda guarda preciosas histórias da Era dos Descobrimentos, da fabricação do azeite e mantém uma forte presença da cultura judaica desde o século XIII até os dias de hoje.

Aldeia de Belmonte, na Serra da EstrelaAldeia de Belmonte, na Serra da Estrela

Uma experiência absolutamente imperdível. Fácil de chegar para quem está de carro alugado e também uma ótima aldeia para fazer como base da sua viagem por essa região.

Conheça alguns dos castelos mais interessantes para visitar em Portugal

3. Idanha-a-velha

Aldeia de Idanha a Velha, na Serra da Estrela

De todas as aldeias que já visitamos nos arredores da Serra da Estrela, a aldeia de Idanha-a-velha foi a mais pura delas. Não encontramos por lá um presente fluxo turístico, ainda que a aldeia também esteja presente nos roteiros das chamadas Aldeias Históricas de Portugal.

Aldeia de Idanha a Velha, na Serra da EstrelaAldeia de Idanha a Velha, na Serra da Estrela

Talvez seja por ela não ter um casario exuberante. Mas beleza de Idanha-a-Velha está em sua simplicidade e no ritmo da vida de seu povo, que convive lado a lado com uma imensidão de ruínas de importância arqueológica em Portugal (por aqui, há vestígios de presença romana, visigoda e moura antes da chegada dos cristãos, no século XII).

Veja também: 5 aldeias pitorescas na Serra da Lousã para incluir no seu roteiro

4. Monsanto

Aldeia de Monsanto, na Serra da Estrela

Escolhemos visitar Monsanto durante o verão. Eu tinha em meu imaginário diversas casas com pedras imensas fechando telhados – como um estereótipo dela. Chegando lá, vimos mais do que isso: um lugar apaixonante e muito, muito mais alto, com arredores de beleza natural capazes de nos tirar o fôlego.

Aldeia de Monsanto, na Serra da EstrelaAldeia de Monsanto, na Serra da Estrela

Recomendo vivamente que você escolha passar por aqui. É também conhecida até hoje como a “aldeia mais portuguesa de Portugal” – título que recebeu durante a época da ditadura, em 1938, durante um concurso para exaltar o nacionalismo.

Estereótipos e títulos a parte, recomendo que você estacione o carro o mais próximo que conseguir da porta da aldeia. Prepare-se para subir ladeiras, mas será muito compensador.

Nós tivemos a sorte de ter um cão como anfitrião rs. Assim que chegamos a Monsanto, ele levantou-se e percorreu parte do caminho conosco.

Aldeia de Monsanto, na Serra da Estrela

5. Sortelha

Aldeia de Sortelha, na Serra da Estrela

Você poderá compor o seu roteiro com Belmonte e Sortelha sequencialmente. O acesso entre ambas é bem fácil, ainda que Sortelha seja mais remota.

Sortelha é mais uma aldeia localizada no topo de uma montanha, com 760 metros de altitude. Você poderá estranhar assim que chegar, pois como algumas das indicações aqui da lista, esta aldeia é como se fosse o centro histórico de uma vila maior, dividida por uma muralha.

Na parte interior das muralhas está uma aldeia em granito, tendo suas pequenas ruas sinuosas e tipicamente medievais, antigamente vigiadas por um castelo do século XIII. Esse visual não foi muito modificado nos últimos 500 anos.

Você assistiu ao filme “Meu Passado Me Condena 2“, do Fábio Porchat? Então você vai reconhecer o cenário. Ele foi gravado aqui na Sortelha (e, caso você não tenha visto, vale a pena assistir antes da viagem).

FIlme Meu Passado Me Condena 2, gravado em Portugal

Foto: divulgação Globo Filmes

6. Almeida

Aldeia de Almeida

Aqui você poderá ver uma aldeia completamente diferente das demais, cercada por uma estrutura militar – anteriormente medieval e que foi reconstruída após a Guerra da Restauração, no século XVII, transformando-se em uma das principais Praças-Fortes do país (Portugal esteve sob o reinado espanhol de 1580 a 1640 – período conhecido por União Ibérica. A Guerra da Restauração foi a “resposta” portuguesa na época, que lutou para restaurar sua independência). Aliás, não por acaso, Almeida fica somente a 7km da fronteira com a Espanha.

Aldeia de AlmeidaAldeia de Almeida

Vista de cima, Almeida parece uma estrela de 12 pontas (sendo 6 baluartes e o mesmo número de revelins, formações comuns na arquitetura militar). Mas desde o século XIX já não vê qualquer tipo de conflito. Aqui se tornou um lugar de grande memória histórica e muita paz em meio a natureza.

Recomendo que estacione o carro junto as Portas Duplas de São Francisco e faça o percurso todo a pé. Caso tenha interesse em conhecer mais sobre o passado militar de Almeida, visite o Museu Histórico-Militar, nas antigas Casamatas (que são as galerias subterrâneas).

Almeida foi um dos locais portugueses tomados pelas tropas de Napoleão, em 1810. Por isso, o nome da aldeia também está inscrito no Arco do Triunfo, em Paris

7. Trancoso

Aldeia de Trancoso, na Serra da Estrela

Aldeia, neste caso, é o nome dado ao centro histórico muralhado da cidade de Trancoso – um pouco similar ao que expliquei sobre o que acontece em Belmonte – quando a denominação de aldeia se refere a parte histórica da cidade e não a de uma pequena povoação isolada/ remota. Entretanto, cada uma delas guarda suas particularidades na arquitetura e em sua própria história.

Trancoso nos surpreendeu, sobretudo pela rotina muito presente de seu povo. Vimos um fluxo maior de pessoas locais, uma vida ao virar suas esquinas.

Estacionamos o carro fora das muralhas e percorremos a aldeia a pé. Fomos em busca das famosas sardinhas doces de Trancoso, o doce típico da região. Sabe qual é a razão de levar esse nome? É que nas terras onde o peixe fresco é uma miragem, as freiras do Convento de Santa Clara fizeram desse doce um sonho – que, naturalmente, nunca viu o mar rs.

Aldeia de Trancoso, em PortugalAldeia de Trancoso, em Portugal

Percorra a área interna do Castelo de Trancoso, as pequenas ruas da aldeia que, durante a primavera e verão ficam coloridas com as hortênsias e, claro, não deixe de entrar nas igrejas que encontrar com as portas abertas…

Organize AQUI a sua viagem para Portugal!

icon-saude

Parcele o seguro saúde na Real Seguro Viagem em 6x SEM JUROS

icon-carroVeja os melhores preços para alugar um carro

icon-hotel

Reserve o seu hotel no Booking, com cancelamento gratuito

Conheça os serviços exclusivos do Cultuga

icon-tour

Deseja ter a nossa companhia em Lisboa? Faça um tour conosco

icon-consultoria

Reserve um transfer ou city tour com os nossos parceiros em Portugal

icon-foto

Faça um ensaio fotográfico em Lisboa ou no Porto

Veja o índice de artigos do Cultuga para ajudar no planejamento do seu roteiro ❤

Compartilhe.

Sobre o autor

Priscila Roque

Sou jornalista especializada em cultura e fotógrafa. Foi preciso passar dos 30 anos para assumir que Lisboa é, realmente, o meu lugar no mundo. Mas a paixão por Portugal começou bem mais cedo, ainda na adolescência, quando descobri alguns músicos locais. Os meus pais são portugueses imigrados no Brasil. Depois de fazer o caminho inverso deles, trocando São Paulo por Lisboa, quero agora, com o Cultuga, diminuir a distância que separa o Brasil de Portugal.

2 comentários

  1. Que postagem ma-ra-vi-lho-sa, Priscila! Apesar de ter viajado um pouquinho nas imagens e no texto com vocês, deu vontade de conhecer todos esses lugares. Que lindo é Portugal!

Deixe um comentário