Seu guia de viagem em Portugal | 14 anos no ar

    Há quem pense que o Algarve é uma cidade portuguesa. Mas trata-se da região do extremo sul de Portugal, formado por diversas cidades, vilas e aldeias, parte delas banhada por toda aquela costa envolvente de praias paradisíacas (com rochas douradas e água azul turquesa), parte com um interior ainda bastante tradicional e genuíno.

    O Algarve é uma região que ainda guarda marcas expressivas de seu passado árabe. Na Idade Média, a Península Ibérica foi invadida pelos Mouros – um povo vindo do norte da África (onde hoje fica o Marrocos e parte da Argélia). E, em Portugal, o sul do país foi a última parte conquistada pelos cristãos. Isso fez com que a influência dessa época se perpetuasse com mais força por aqui do que no restante do país, sobretudo na arquitetura.

    Mas, afinal, como preparar uma viagem ao Algarve? Veja aqui as nossas dicas. :)

    Algarve: como chegar, quando ir e quanto tempo ficar?

    Como chegar de Lisboa ao Algarve?

    Passeio de barco no Algar de Benagil, Algarve
    Passeio de barco no Algar de Benagil, Algarve

    De carro direto

    O Algarve é melhor aproveitado se for explorado de carro. A partir de Lisboa, você poderá seguir direto pela A2, que é a principal autoestrada que faz ligação com o Algarve. Em 2h30, aproximadamente, você estará por lá.

    Veja o nosso guia completo para alugar um carro em Portugal

    De carro com pernoites no caminho

    Para quem tem mais dias para pernoitar ao longo da descida e procura um roteiro alternativo de carro, poderá explorar a região do Alentejo no percurso para o sul do país a partir de Évora. Há lugares lindos por lá, como Monsaraz, Serpa e Mértola, por exemplo. Você chegará pelo leste do Algarve, que ainda guarda muito de suas experiências genuínas em localidades como Alcoutim, Castro Marim e Tavira.

    Ponte romana e rio Gilão em Tavira

    Quem prefere praias paradisíacas, mas com uma atmosfera mais rústica e selvagem, poderá fazer a descida de carro (necessariamente com algumas pernoites no caminho, pois as estradas são bem lentas) pela chamada Costa Alentejana. Há ali um litoral muito interessante e igualmente bonito por Vila Nova de Milfontes, Aljezur e Zambujeira do Mar.

    Passeios diferentes e experiências deliciosas para ter no Algarve

    De trem: Lisboa a Faro

    Você poderá seguir de Lisboa direto para a capital do Algarve, que é Faro, utilizando o trem Alfapendular (AP) (tenha atenção que, em alguns horários do dia, o percurso tem baldeação). Se esta é a sua opção, viaje bem cedinho para que possa chegar a tempo de almoçar e aproveitar o dia.

    A partir de Faro, você poderá alugar um carro facilmente para percorrer diversas cidades e vilas do Algarve. Entretanto, se você prefere fazer os passeios de transporte público, apesar de ser uma viagem mais restrita, também é possível. Temos uma série de artigos chamada “Algarve sem carro” que vai te ajudar nesse roteiro.

    É também possível fazer a viagem de Lisboa a Faro de avião. Entretanto, o tempo gasto com os trâmites de aeroporto e o preço não compensam.

    Como chegar do Porto ao Algarve?

    De carro com pernoites no caminho

    Do Porto a região do Algarve são 500km, aproximadamente. Portanto, fazer direto pode ser bastante cansativo e, pelas estradas mais rápidas, não haverá tanta paisagem interessante assim que compense a “pernada”.

    Se você pretende sair de carro do Porto, considere fazer algumas pernoites no caminho. Assim, você aproveita melhor a viagem. Uma sugestão clássica é o centro oeste de Portugal como primeira pernoite. Há inúmeras cidades interessantes para conhecer e escolher para dormir nesse caminho, como Batalha, Alcobaça, Fátima ou Óbidos.

    Passando de Lisboa, depende do tempo que você tem disponível para a sua viagem. Poderá fazer um percurso mais lento com mais bases no Alentejo (neste caso específico, sugiro o interior e não a costa) ou, então, seguir direto e de forma rápida pela autoestrada A2, como já indiquei anteriormente.

    De avião ou trem: Porto a Faro

    Porém, se você estiver no Porto sem tempo para pernoites no caminho, o ideal é descer de avião e pegar um carro no aeroporto de Faro, por exemplo, ou ainda de trem, fazendo também o percurso Porto-Faro, quando há uma linha do Alfapendular (AP) que faz a ligação direta dessas cidades, sem a necessidade de baldeação.

    Está em busca de um roteiro completo por Portugal somente de trem? Veja aqui!

    Se a sua ideia é fazer os passeios de transporte público, apesar de ser uma viagem mais restrita, também é possível. Temos uma série de artigos chamada “Algarve sem carro” que vai te ajudar nesse roteiro fazendo uso de trem e ônibus por lá.

    Qual é a melhor época para ir ao Algarve?

    É possível aproveitar a região sul de Portugal o ano todo. Entretanto, o outono e o inverno são épocas baixas. Isso significa que há diversos locais fechados, além da possibilidade de pegar chuva e dias de muito vento. Entre os meses de abril e setembro a sua experiência, certamente, será mais completa e agradável. 

    Experiências Algarve Portugal
    Vista a partir da Fortaleza de Sagres, Algarve
    Praia do Camilo em Lagos

    Especificamente nos meses de julho e agosto, tenha atenção que é o pico da alta temporada – quando há também muitos portugueses e outros europeus de férias no Algarve. Se a sua viagem está agendada para esse período, faça um roteiro mais lento, pois o fluxo de pessoas na região é muito grande. Acordar bem cedo vai te trazer boas surpresas e desfrutar do pôr-do-sol também.

    Se você somente pode viajar ao longo do outono e inverno português, entre os meses de outubro e março, deixo aqui algumas ressalvas:

    • Acompanhe a previsão do tempo mais perto da sua viagem. Pode ser que um ano mais seco e ensolarado, por exemplo, traga boas surpresas em temperaturas mais amenas e dias bonitos;
    • Um ponto positivo são os preços. Certamente, você pegará uma rede hoteleira mais vazia e com preços convidativos para o aluguel de carro no Algarve;
    • Outra ressalva é o período do Ano Novo. Por ser uma época festiva, há eventos especiais nas principais cidades e isso tornará a sua experiência bastante agradável (mas, tenha atenção, que os preços também são mais altos nestes dias);
    • Há especificamente um período do outono português chamado de “verão de São Martinho“. É um fenômeno meteorológico que pode acontecer na primeira quinzena de novembro. As temperaturas sobem um pouco e há uma sequência de dias muito bonitos. Não é uma regra e não são em todos os anos, mas pode acontecer.

    Quanto tempo ficar no Algarve?

    Essa é uma das dúvidas mais comuns do viajante brasileiro. Pode ser que você já tenha lido em algum artigo do Cultuga que, geralmente, eu respondo com outra pergunta: “Quanto tempo você tem disponível?“.

    Dicas do Cultuga de lugares para se hospedar no Algarve

    Castelo de Silves
    Castelo de Silves: o Algarve tem muitas preciosidades além das praias

    Mas uma coisa é certa. Fique, pelo menos, 2 dias na região do Algarve. Não vale a pena fazer em um bate-volta de Lisboa, por exemplo. Entretanto, eu recomendo uma semana para conhecer melhor a região. O Algarve não é feito somente de praias paradisíacas. Há muito por descobrir!

    Sou jornalista especializada em cultura e tenho 41 anos. Lisboa é o meu lugar no mundo. Os meus pais são portugueses imigrados no Brasil. Depois de fazer o caminho inverso deles, me tornado também imigrante, assumi como missão do Cultuga diminuir a distância que separa o Brasil de Portugal.

    4 Comentários

    1. Oiê Priscila,

      Seu artigo ficou ótimo! Eu estava pensando em fazer um bate e volta de Lisboa mas estou na dúvida se é bom! Aqui no artigo você disse que não fale a pena . Por que você acha isso? Muito cansativo, caro e pouco tempo para curtir?

      • Olá, Nathalia
        Tudo bem?

        Ficamos felizes que tenha gostado do artigo!

        Não vale a pena porque são quase três horas de viagem de carro – transporte público demora mais. Então, ida e volta são seis horas de estrada. Você não terá tanto tempo para aproveitar as praias e outros lugares que deseja conhecer com calma, curtindo a beleza, a comida e, dependendo da cidade, a história.

        Vale a pena explorar outros lugares em Lisboa e arredores ou ficar uma ou duas noites, no mínimo, no Algarve.

        Um grande abraço e boa viagem!

    2. Boa noite
      Me chamo Marcos e estarei ai em Setembro vindo de Lisboa e indo para Algarve.
      pretendo ficar uns 5 dias ai , seria prudente fazer uma cidade fixa com hotel e trafegar de carro por outras mais proxima .
      Poderia me ajudar por favor….qual cidade seria melhor ficar e alugar um carro????

      Grato

      Marcos Santos / Santos / São Paulo / Brasil

      • Olá, Marcos
        Tudo bem?

        Sim, vale a pena escolher uma base no Algarve para conhecer as praias e até o interior da região.
        Armação de Pêra, Albufeira e Faro são lugares que têm boa mobilidade para você explorar as proximidades. Albufeira e Faro têm mais opções de locadoras de carro, principalmente Faro, pois há muitas no aeroporto.

        Aqui neste link têm vários posts com dicas de passeios e de hotéis no Algarve: https://www.cultuga.com.br/category/regioes-de-portugal/algarve/

        Um grande abraço e boa viagem!

    Deixe um comentário